Governo reavalia projeto de Geração Própria

Simple Energy Post, 28 de Maio de 2015

As incertezas acerca da contratação de geração própria têm barrado o avanço dessa medida anunciada ainda no início do ano. Essas dúvidas aparecem de todos os lados, isso porque do anúncio dessa medida à edição da portaria 44 do Ministério de Minas e Energia de 10 de março de 2015 as condições do sistema se alteraram. Pelo lado do governo não se sabe se é necessária essa energia e, pelo lado das empresas de distribuição, como ficará o lado financeiro dessa equação. 

Todas essas dúvidas deverão ser respondidas em parte em no máximo duas semanas. Essa estimativa foi apontada pelo relator desse caso, o diretor da Aneel, José Jurhosa Júnior em entrevista à Agência Canal Energia. O relator citou esses elementos (real necessidade e questão financeira das distribuidoras) que balizam a avaliação que o governo está fazendo nesse momento. Contudo, ele não descartou a possibilidade de extensão para além de 18 de dezembro, data estabelecida originalmente como limite para sua validade, tudo dependendo de como ocorrerá o período seco e, principalmente, como será o período úmido 2015/2016.



DISCLAIMER: As informações apresentadas neste materianl foram elaboradas pela Simple Energy e refletem condições de mercado e cenários atuais. Trata-se de material meramente informativo com direitos de propriedade intelectual pertencentes à Simple Energy e, portanto, destacamos a não responsabilidade por ações tomadas com base neste informe.

Av. Das Nações Unidas, 14.171 - Marble Tower - 11º andar - Brooklin Novo

Tel: 2199 9400 - São Paulo - SP

Copyright 2017 - Simple Energy - Todos os direitos reservados