Governo acumula R$ 7 bi em repasses atrasados

Simple Energy Post, 13 de julho de 2015

O governo brasileiro acumula mais de R$ 7 bilhões em pagamentos atrasados a 121 empresas de geração e distribuição de energia elétrica, em um débito que se arrasta desde o ano passado, quando começou a haver descompasso nos repasses de recursos da Conta de Desenvolvimento Energético (CDE), fundo responsável por bancar diversos subsídios nas contas de luz. Os atrasos, que eram de R$ 6,2 bilhões no fim de 2014, cresceram até março deste ano, quando alcançaram R$ 8,3 bilhões, e então começaram a recuar, ainda que lentamente.
Os dados foram publicados na semana passada pela estatal Eletrobras. Segundo a empresa, que recebeu do governo a missão de gerenciar a CDE, o descasamento é causado pelo período entre dezembro de 2014 e janeiro de 2015, em que a conta deixou de receber recursos suficientes.
A estatal prevê a regularização do fluxo da CDE "nos próximos quatro meses", uma vez que o orçamento aprovado para o fundo neste ano "foi elaborado contemplando os gastos correntes e os valores que estavam em atraso".






DISCLAIMER: As informações apresentadas neste materianl foram elaboradas pela Simple Energy e refletem condições de mercado e cenários atuais. Trata-se de material meramente informativo com direitos de propriedade intelectual pertencentes à Simple Energy e, portanto, destacamos a não responsabilidade por ações tomadas com base neste informe.

Av. Das Nações Unidas, 14.171 - Marble Tower - 11º andar - Brooklin Novo

Tel: 2199 9400 - São Paulo - SP

Copyright 2017 - Simple Energy - Todos os direitos reservados