Abrace obtém liminar contra CDE

Simple Energy Post, 20 de julho de 2015

A Associação Brasileira de Grandes Consumidores Industriais de Energia (Abrace) obteve na última sexta-feira liminar que desobriga as associadas da Abrace de parcelas da
CDE que, na visão dessas empresas, deveriam ser pagas pelos consumidores cativos.
A CDE representou repasses de R$ 1 bilhão às tarifas de consumidores cativos e livres em 2013 e de R$ 1,7 bilhão em 2014, mas disparou em 2015, quando o Tesouro Nacional deixou de aportar recursos no fundo, responsável por bancar diversos subsídios e repasses a agentes do setor elétrico. 
Para tentar evitar a concessão da liminar, a Aneel disse, em sua defesa, que a decisão resultará em aumento das tarifas dos demais consumidores do sistema interligado nacional, particularmente aos consumidores cativos conectados em baixa tensão.






DISCLAIMER: As informações apresentadas neste materianl foram elaboradas pela Simple Energy e refletem condições de mercado e cenários atuais. Trata-se de material meramente informativo com direitos de propriedade intelectual pertencentes à Simple Energy e, portanto, destacamos a não responsabilidade por ações tomadas com base neste informe.

Av. Das Nações Unidas, 14.171 - Marble Tower - 11º andar - Brooklin Novo

Tel: 2199 9400 - São Paulo - SP

Copyright 2017 - Simple Energy - Todos os direitos reservados