Apesar do acordo CESP ainda pode sofrer punição

Simple Energy Post, 22 de Agosto de 2014

A ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, anunciou, na noite da última segunda-feira, 18 de agosto, segundo matéria publicada pela Agência Canal Energia, um acordo com os estados de São Paulo, do Rio de Janeiro e de Minas Gerais para garantir o abastecimento de água e prolongar a vida útil dos reservatórios que se alimentam da bacia do rio Paraíba do Sul. Pelo acordado, a vazão do reservatório de Jaguari será elevada de 10 para 43 metros cúbicos por segundo (desde quarta-feira, 20). Por outro lado será reduzida a vazão do reservatório Paraibuna de 80 para 47 m³/s.

Já o estado do Rio de Janeiro reduzirá a vazão do reservatório de Santa Cecília de 165 para 160 m³/s a partir de 10 de setembro. Segundo o MMA, o prazo do Rio é maior pois alguns municípios precisam fazer adaptações no sistema de captação de água para reduzir a vazão. Segundo Izabella, a situação continuará a ser monitorada. Entretanto, apesar do acordo, o diretor-geral da Agencia Nacional de Energia Elétrica, Romeu Rufino, afirmou que Cesp ainda pode sofrer punição por descumprimento da ordem do ONS.

 

 

 

DISCLAIMER: As informações apresentadas neste material foram elaboradas pela Simple Energy e refletem condições de mercado e cenários atuais. Trata-se de material meramente informativo com direitos de propriedade intelectual pertencentes à Simple Energy e, portanto, destacamos a não responsabilidade por ações tomadas com base neste informe. 

Av. Das Nações Unidas, 14.171 - Marble Tower - 11º andar - Brooklin Novo

Tel: 2199 9400 - São Paulo - SP

Copyright 2017 - Simple Energy - Todos os direitos reservados