Nova crise na UHE Santo Antônio

Simple Energy Post, 05 de Setembro de 2014

A usina de Santo Antônio tem sido notícia ao longo da semana, desde que o aporte das garantias financeiras referentes ao mês de Julho não foi feito integralmente, deixando um déficit aproximado de R$ 900 milhões e causando desconforto no setor. Em sua defesa, a usina pede excludente de responsabilidade referente a atrasos na obra, o que será analisado na sexta-feira, 5 de Setembro, pela Aneel.  Agora, segundo matéria publicada no Canal Energia, em 1º de setembro, o consórcio construtor da obra sinaliza nova paralisação das obras, afirmando ter recebido da Santo Antônio Energia correspondência informando que a referida empresa não dispõe de recursos para honrar seus compromissos com a construtora. Além disso, o consórcio afirma já arcar com o ônus financeiro de não pagamentos anteriores. Em resposta, o diretor-geral da Aneel, Romeu Rufino, disse que a Santo Antônio Energia será punida caso paralise as obras da usina e atrase a entrega do empreendimento. O diretor-geral informou que a empresa corre o risco de receber multa, ter a garantia executada, ser desligada do mercado e até perder a concessão.

 

 

 

 

DISCLAIMER: As informações apresentadas neste material foram elaboradas pela Simple Energy e refletem condições de mercado e cenários atuais. Trata-se de material meramente informativo com direitos de propriedade intelectual pertencentes à Simple Energy e, portanto, destacamos a não responsabilidade por ações tomadas com base neste informe. 

Av. Das Nações Unidas, 14.171 - Marble Tower - 11º andar - Brooklin Novo

Tel: 2199 9400 - São Paulo - SP

Copyright 2017 - Simple Energy - Todos os direitos reservados