Cenário otimista para PCHs

Simple Energy Post, 23 de Dezembro de 2014

Segundo matéria publicada pela Agência Canal Energia, a Associação Brasileira de Fomento às Pequenas Centrais Hidroelétricas (AbraPCH), vê com otimismo o futuro do mercado para a fonte. Entre os motivos citados pelo presidente da associação, Ivo Pugnaloni, está a mudança organizacional pela qual passará a Agência Nacional de Energia Elétrica, sendo a principal alteração para este segmento do setor é a extinção da SGH e a passagem das suas atribuições para a SCG. A expectativa agora é de que os 7,2 GW em capacidade instalada em projetos que estão parados na Aneel comecem a ser aprovados com mais celeridade do que se tem atualmente. A combinação com o aumento dos preços dos leilões também é vista com bons olhos por Pugnaloni. Ele comparou os valores teto estabelecidos nos certames de 2013 e deste ano como um indicador que poderá atuar em favor dessa fonte.Finalmente, Pugnaloni disse que a AbraPCH protocolou no Conselho Nacional de Meio Ambiente (Conama) um pedido para a elaboração de regras para o licenciamento ambiental específico para as PCHs. O pedido é para a formação de um grupo de trabalho que estabeleça novos procedimentos específicos para a fonte obter o licenciamento ambiental. Isso porque a metodologia que se utiliza atualmente é da Resolução 3/1986 e que é aplicada a grandes UHEs, o que se configura em uma desproporção da regra.

Link da NotíciaSite externo.




DISCLAIMER: As informações apresentadas neste material foram elaboradas pela Simple Energy e refletem condições de mercado e cenários atuais. Trata-se de material meramente informativo com direitos de propriedade intelectual pertencentes à Simple Energy e, portanto, destacamos a não responsabilidade por ações tomadas com base neste informe.

 

 

 

Av. Das Nações Unidas, 14.171 - Marble Tower - 11º andar - Brooklin Novo - Tel: 2199 9400

São Paulo - SP

Copyright 2017 - Simple Energy - Todos os direitos reservados